Carregando...
JusBrasil - Jurisprudência
24 de novembro de 2014

TRF-1 - APELAÇÃO CIVEL : AC 92481 MG 2000.01.00.092481-4

PREVIDENCIÁRIO. PENSÃO POR MORTE. FILHO. HABILITAÇÃO TARDIA. TERMO INICIAL. LEI 8.213/91: ART. 76.

Publicado por Tribunal Regional Federal da 1ª Região - 10 anos atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM
ResumoEmenta para Citação

Dados Gerais

Processo: AC 92481 MG 2000.01.00.092481-4
Relator(a): JUIZ FEDERAL CARLOS ALBERTO SIMÕES DE TOMAZ (CONV.)
Julgamento: 15/09/2004
Órgão Julgador: SEGUNDA TURMA SUPLEMENTAR
Publicação: 07/10/2004 DJ p.52

Ementa

PREVIDENCIÁRIO. PENSÃO POR MORTE. FILHO. HABILITAÇÃO TARDIA. TERMO INICIAL. LEI 8.213/91: ART. 76.

1. De acordo com o art. 76 da Lei 8.213/91, vigente à data do óbito da segurada, "a concessão da pensão por morte não será protelada pela falta de habilitação de outro possível dependente, e qualquer inscrição ou habilitação posterior que importe em exclusão ou inclusão de dependente só produzirá efeito a contar da data da inscrição ou habilitação." 2. A circunstância de se encontrar em poder do INSS certidão de óbito com a informação de que o segurado "deixa dois filhos" não se avulta, per se, suficiente à concessão do benefício que exige habilitação, até mesmo porque os filhos deixados podem ser maiores de 21 anos, o que impediria o pensionamento. 3. Apelação não provida.

0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×

Fale agora com um Advogado

Oi. O JusBrasil pode te conectar com Advogados em qualquer cidade caso precise de alguma orientação ou correspondência jurídica.

Escolha uma cidade da lista
Disponível em: http://trf-1.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/2252877/apelacao-civel-ac-92481-mg-20000100092481-4