jusbrasil.com.br
20 de Outubro de 2019
2º Grau

Tribunal Regional Federal da 1ª Região TRF-1 - AGRAVO DE INSTRUMENTO : AG 21124 MG 2003.01.00.021124-0

PROCESSUAL CIVIL - EXECUÇÃO DE SENTENÇA - CORREÇÃO MONETÁRIA - ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR AMPLO-ESPECIAL-IPCA-E - ADMISSIBILIDADE.

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Processo
AG 21124 MG 2003.01.00.021124-0
Órgão Julgador
SÉTIMA TURMA
Publicação
07/12/2006 DJ p.141
Julgamento
21 de Novembro de 2006
Relator
DESEMBARGADOR FEDERAL CATÃO ALVES

Ementa

PROCESSUAL CIVIL - EXECUÇÃO DE SENTENÇA - CORREÇÃO MONETÁRIA - ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR AMPLO-ESPECIAL-IPCA-E - ADMISSIBILIDADE.
1 - Lídima a adoção do IPCA-E como índice de correção monetária, tendo em vista que o Manual de Orientações de Procedimentos para cálculos da Justiça Federal (Resolução/CJF nº 242/2001) prevê sua utilização como indexador a partir de dezembro de 2000.
2 - Agravo de Instrumento rejeitado.
3 - Decisão confirmada.

Acórdão

A Turma, à unanimidade, negou provimento ao recurso de Agravo de Instrumento.

Veja

    • AGTAG 2005.01.00.011128-2/DF,TRF1.

Referências Legislativas

  • LEG:FED RES:000242 ANO:2001 CJF.
  • LEG:FED RES:000004 ANO:2001 TRF1.
  • LEG:FED RES:000258 ANO:2002 CJF.
  • LEG:FED RES:000002 ANO:2003 STJ.